propaganda

Policial /

Segunda-feira, 04 de Julho de 2022, 14h:33

A | A | A

Polícia Civil recupera objetos e prende autor de furto em loja em Nova Xavantina

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Nova Xavantina, esclareceu um furto ocorrido em uma loja no centro da cidade, com a prisão em flagrante...


Imagem de Capa
Polícia Civil MT

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Nova Xavantina, esclareceu um furto ocorrido em uma loja no centro da cidade, com a prisão em flagrante do autor do crime, na quinta-feira (30.06).

A vítima teve sua loja arrombada durante a madrugada, quando o suspeito estourou a fechadura da porta e subtraiu uma quantia em dinheiro, um notebook, um mostruário contendo aproximadamente 60 semijoias, além de revirar toda a loja em busca de outros bens.

Os policiais civis da Delegacia de Nova Xavantina diligenciaram pela cidade com intuito de identificar e prender o autor do crime. Após análise das imagens das câmeras de segurança das lojas do centro, foi possível identificar e prender o suspeito, bastante conhecido da Polícia, pela prática de arrombamentos a estabelecimentos comerciais.

Após a prisão do autor do crime, os policiais localizaram os bens furtados, que foram devolvidos à vítima.

Segundo o delegado Raphael Diniz, o suspeito saiu da Penitenciária de Água Boa na última quinta-feira (23), onde encontrava-se recluso desde o início do ano passado por outro furto de uma loja no Centro da Cidade. O suspeito estava solto há uma semana e voltou a praticar crimes. Ele saiu de tornozeleira, porém havia danificado e retirado o equipamento.

Diante das evidências, o suspeito foi autuado em flagrante pelo crime de furto qualificado e dano ao patrimônio público, e após passar pelos procedimentos de praxe, será encaminhado ao Presídio Major Zuzi Alves da Silva, onde permanecerá a disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Você apoia o pagamento de 13º salário para vereadores, prefeito, vice e secretários?
Sim
Não, eles já recebem demais.
Não tenho opinião formada sobre o assunto