Internacional /

Quinta-feira, 06 de Setembro de 2018, 15h:34

A | A | A

Homem que esfaqueou Bolsonaro é defensor de teorias da conspiração

DIVULGAÇÃO/ POLÍCIA MILITAR Polícia Militar de Minas Gerais identificou o homem que esfaqueou Bolsonaro, Adelio Bispo de Oliveira Adelio Bispo...


Imagem de Capa
Polícia Militar de Minas Gerais identificou o homem que esfaqueou Bolsonaro, Adelio Bispo de Oliveira
DIVULGAÇÃO/ POLÍCIA MILITAR
Polícia Militar de Minas Gerais identificou o homem que esfaqueou Bolsonaro, Adelio Bispo de Oliveira

Adelio Bispo de Oliveira, o homem que esfaqueou Bolsonaro (PSL) em sua caminhada com apoiadores pelas ruas de Juiz de Fora, Minas Gerais, na tarde desta quinta-feira (6), é obcecado pela maçonaria, a quem acusa, em sua página nas redes sociais da internet, de promover a pauta de direitos LGBTs, perseguir o número 13 e “enlouquecer” as pessoas.

Postagens sobre a maçonaria e críticas a Jair Bolsonaro tomam a sua página no Facebook, onde ele também defende a implantação do comunismo no Brasil. Adelio Bispo, 40 anos, é natural de Montes Claros, Minas Gerais. Ele confessou o crime e foi preso em flagrante, informou a Polícia Militar.

Veja abaixo o momento do ataque ao candidato:





* Mais informações em instantes

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Você é a favor ou contra a privatização da MT 130 sentido Paranatinga?
A favor
Contra
Tanto faz