20 de Maio de2024


Área Restrita

Mato Grosso Quinta-feira, 26 de Novembro de 2020, 12:17 - A | A

Quinta-feira, 26 de Novembro de 2020, 12h:17 - A | A

Mato Grosso

Justiça Comunitária vai levar 15 toneladas de alimentos e 10 de roupas na Expedição Araguaia

A quatro dias do início da segunda edição da Expedição Araguaia, de 1º a 16 de dezembro, a coordenação estadual da Justiça Comunitária do...

Tribunal de Justiça de MT

A quatro dias do início da segunda edição da Expedição Araguaia, de 1º a 16 de dezembro, a coordenação estadual da Justiça Comunitária do Tribunal de Justiça contabiliza o recebimento de mais doações que beneficiarão famílias que estão vivendo em extrema pobreza, agravada neste período de pandemia provocada pela Covid-19.
 
Serão transportados pela Justiça Comunitária para os cinco municípios atendidos pela Expedição Araguaia 15 toneladas de alimentos não perecíveis, 10 toneladas de roupas, kits de limpeza e higiene pessoal, como escovas de dente e dezenas de centenas de brinquedos.
 
"Por conta da pandemia, e das incertezas provocadas pela situação, tivemos apenas 40 dias para providenciar e organizar essa viagem. Mas, conseguimos, com muito esforço e vontade, preparar essa segunda edição e vamos levar, como no ano passado, atividades e ações que garantam inclusão social a essa população que tanto precisa", sublinhou o juiz-coordenador da Justiça Comunitária, José Antônio Bezerra Filho, acrescentando que as doações fazem parte do entrosamento e olhar social das entidades e instituições parceiras do Judiciário.
 
A Expedição, que parte da Capital na madrugada da próxima terça-feira, vai percorrer 4.460 quilômetros para atender Santa Terezinha (distante 1.323 km da Capital), Luciara (1.176 km), São Félix do Araguaia (distante 1.149 km), Novo Santo Antônio (distante 1.074 km) e Cocalinho (distante 773 km).
 
 
O objetivo da Expedição Araguaia, de acordo com o juiz-coordenador, é oferecer aos moradores dessas localidades serviços de saúde, cidadania e justiça, como registro tardio, resolução de conflitos sociais, consultas médicas, entre as quais oftalmológicas, tratamento odontológico, vacinas, documentação, além de estimular nos cidadãos a consciência ambiental.
 
José Antônio Bezerra destacou que o Judiciário mato-grossense não está preocupado com a quantidade de atendimentos, ações e serviços que serão desenvolvidos na segunda edição da Expedição Araguaia, mas está empenhado em se fazer presente nesses municípios que necessitam do poder público. "Levaremos serviços e muita alegria para os moradores dessa região, e, é claro, com os cuidados que a pandemia exige e cumprindo as normas das autoridades sanitárias e epidemiológicas, faremos um tempo de Natal diferente nessas cidades para as famílias que estão enfrentando sérias dificuldades para sobreviver", frisou o magistrado.
 
 
 
Álvaro Marinho
Coordenadoria de Comunicação do TJMT
 
 

Comente esta notícia

Rua Rondonópolis - Centro - 91 - Primavera do Leste - MT

(66) 3498-1615

[email protected]