propaganda

MORADIAS POPULARES /

Segunda-feira, 04 de Julho de 2022, 06h:30

A | A | A

Primavera do Leste firma parceria com estado para construção de 50 casas populares

Termo de compromisso foi assinado na sexta-feira (01)


Imagem de Capa
Wellington Camuci

Um novo conjunto habitacional para famílias carentes deve ser construído em Primavera do Leste. Na sexta-feira (01), o governo de Mato Grosso assinou um termo de compromisso para a construção de 50 casas populares no município.

As casas fazem parte do programa Ser Família Habitação e será executado em conjunto pelas Secretarias de Assistência Social e Cidadania (Setasc) e Infraestrutura e Logística (Sinfra), com o objetivo de garantir qualidade de vida e ampliar o acesso à moradia digna para a população vulnerável.

As casas serão construídas por meio de convênios, em que o Estado irá repassar recursos para os municípios realizarem as obras. A previsão inicial é de construir 3 mil casas populares com recursos próprios do Governo.

De acordo com o governo estadual, 69 municípios aderiram ao programa que foi criado após aprovação pela Assembleia Legislativa e sanção do governador Mauro Mendes, em novembro de 2021. A partir de agora, os municípios terão até 90 dias para apresentar toda a documentação exigida pelo Decreto Nº 1.398.

 

Serão beneficiadas com as unidades, pessoas que pertençam a um grupo familiar cuja renda per capita não ultrapasse R$ 100, tendo preferência as pessoas com menor renda. Também é necessário morar no município há pelo menos cinco anos e não ter sido beneficiada em outro programa habitacional de interesse social.

O valor para construção de cada unidade será de até R$ 60 mil e, além disso, cada conjunto habitacional deve ter no mínimo 10 e no máximo 50 casas.

O jornal O Diário entrou em contato com a Assessoria de Imprensa do governo de Mato Grosso para saber quais municípios aderiram ao programa.

 

Confira a lista dos municípios que serão beneficiados

Acorizal – 50 casas

Alta Floresta – 50 casas

Alto Boa Vista – 20 casas

Araguaiana – 50 casas

Araguainha – 50 casas

Araputanga – 45 casas

Arenápolis – 50 casas

Brasnorte – 50 casas

Campinápolis – 50 casas

Campo Novo do Parecis – 50 casas

Canabrava do Norte – 50 casas

Canarana – 50 casas

Comodoro – 43 casas

Curvelândia – 26 casas

Denise – 50 casas

Diamantino – 50 casas

Figueirópolis D’Oeste – 50 casas

Gaúcha do Norte – 50 casas

General Carneiro – 50 casas

Glória D’Oeste – 50 casas

Guiratinga – 50 casas

Ipiranga do Norte – 50 casas

Itaúba – 50 casas

Itiquira – 50 casas

Jangada – 50 casas

Juína – 50 casas

Juscimeira – 50 casas

Lambari D’Oeste – 50 casas

Lucas do Rio Verde – 50 casas

Luciara – 20 casas

Marcelândia – 50 casas

Matupá – 50 casas

Mirassol D’Oeste – 50 casas

Nobres – 50 casas

Nortelândia – 50 casas

Nossa Senhora do Livramento – 50 casas

Nova Brasilândia – 50 casas

Nova Canaã do Norte – 50 casas

Nova Marilândia – 50 casas

Nova Maringá – 50 casas

Nova Xavantina – 50 casas

Paranaíta – 32 casas

Paranatinga – 50 casas

Pedra Preta – 50 casas

Pontal do Araguaia – 50 casas

Ponte Branca – 50 casas

Porto Alegre do Norte – 50 casas

Primavera do Leste – 50 casas

Querência – 50 casas

Ribeirãozinho – 50 casas

Rio Branco – 50 casas

Rondonópolis – 50 casas

Santa Carmem – 30 casas

Santa Cruz do Xingu – 50 casas

Santa Terezinha – 24 casas

Santo Afonso – 31 casas

Santo Antônio do Leverger – 50 casas

São Felix do Araguaia – 50 casas

São José do Povo – 20 casas

São José do Rio Claro – 50 casas

São Pedro da Cipa – 10 casas

Sapezal – 29 casas

Serra Nova Dourada – 50 casas

Sorriso – 50 casas

Tabaporã – 20 casas

Tapurah – 50 casas

Tesouro – 40 casas

Torixoréu – 50 casas

Vila Bela da Santíssima Trindade – 50 casas

http://www.sinfra.mt.gov.br/programa-ser-familia-habitacao

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Você apoia o pagamento de 13º salário para vereadores, prefeito, vice e secretários?
Sim
Não, eles já recebem demais.
Não tenho opinião formada sobre o assunto