propaganda

BOA NOTÍCIA /

Quarta-feira, 12 de Janeiro de 2022, 10h:30

A | A | A

Prefeitura de Primavera lançará programa de Cirurgias

2 mil pessoas aguardam por algum procedimento cirúrgico em Primavera do Leste


Imagem de Capa
Da Redação

Nesta sexta-feira (14), a prefeitura de Primavera do Leste irá realizar o lançamento oficial do Programa Mais MT Cirurgias. A cerimônia ocorrerá na Praça da Juventude, às 09:30.  Na ocasião deve ser anunciado o cronograma que deve zerar a fila de 2 mil pessoas que aguardam por algum procedimento cirúrgico na cidade.

Em entrevista exclusiva, realizada em dezembro de 2021. O prefeito Leonardo Bortolin, adiantou a retomada dos procedimentos. Ao todo serão investidos R$ 5,5 milhões.

De acordo com o prefeito, em virtude da pandemia, os procedimentos ficaram suspensos um pouco mais de um ano, por determinação do governo do estado. Neste período foram mantidos apenas os procedimentos considerados prioritários. O Decreto nº 413, de 18/03/2020, do Governo do Estado de Mato Grosso, decretou o cancelamento das cirurgias eletivas como medida de enfrentamento da emergência decorrente do coronavírus. A Secretaria Municipal de Saúde de Primavera do Leste seguiu tal legislação.

“Com o advento da pandemia, a própria orientação do governo era que cessassem todas as cirurgias. Os hospitais, com a sobrecarga da Covid, pararam realmente de fazer cirurgias eletivas e faziam apenas alguns exames eletivos, atendendo apenas urgência e emergência. Isso demandou uma fila de espera muito grande”, explicou Bortolin.

Após diversas solicitações junto ao governo do estado, e devido a redução dos números de casos de Covid-19, foi autorizada a retomada das cirurgias eletivas. Em uma decisão inédita, a Secretaria Estadual de Saúde – SES, não limitou o número de cirurgias a serem feitas na cidade através do programa ‘Mais MT Cirurgias’, ou seja, deixou a livre demanda, com um teto de R$ 5,5 milhões. Com isso, segundo o prefeito a fila será zerada em 2022.

 

Programa Mais MT Cirurgias

O Programa Mais MT Cirurgias tem como objetivo reduzir drasticamente a fila por procedimentos eletivos no Estado com investimento de R$105 milhões.

O Plano de Retomada de Cirurgias Eletivas foi precursor do Programa. A proposta do Plano é de orientar as instituições hospitalares do Estado no âmbito da pandemia da Covid-19 para o retorno consciente e seguro do ambulatório clínico e cirúrgico de modo a ofertar assistência integral aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS).

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Você apoia o pagamento de 13º salário para vereadores, prefeito, vice e secretários?
Sim
Não, eles já recebem demais.
Não tenho opinião formada sobre o assunto