TRÂNSITO /

Quarta-feira, 03 de Julho de 2019, 15h:54

A | A | A

Devido a alças de acesso irregulares, trecho da BR 070 que corta a cidade de Primavera é considerado o mais perigoso


Imagem de Capa
Jaqueline Hatamoto

Dos aproximadamente 186 quilômetros, que são de responsabilidade dos policiais rodoviários federais que atuam na 5ª Delegacia da Polícia Rodoviária Federal – PRF de Primavera do Leste, o perímetro urbano da cidade foi considerado o mais perigoso e o trecho onde mais acontecem acidentes.

Segundo a PRF, o número elevado de acidentes estaria ligado à construção e liberação de alças de acesso irregulares, que na maioria das vezes, só prejudicam o fluxo da rodovia. “Esse trecho dentre de todos os que compreende a 5ª delegacia de Polícia Rodoviária Federal, é o pior em quantidade de acidentes. Essas alças de acesso estão quase todas irregulares e na maioria das vezes são as maiores causadoras desses acidentes”, disse o chefe da 5ª Delegacia Thiago Machado.

As alças de acesso à BR 070 começaram a ser liberadas no ano de 2015, após a construção do viaduto sobre a rodovia. Na época, como justificativa para liberação dos acessos, a administração municipal disse que moradores e comerciantes, principalmente do bairro Castelândia, pediram que providências fossem tomadas quanto ao acesso ao bairro, pois se o projeto inicial tivesse sido levado em consideração, a passagem do centro para o Castelândia seria dificultada, tanto é que houve audiência pública no início de 2016, com representantes do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes - Dnit, da Prefeitura e da sociedade. Sendo assim, por conta própria e sem autorização do Dnit, foram abertos os acessos, que de acordo com a PRF, precisariam ser fechados.

O chefe da 5ª Delegacia da PRF, destaca que se o projeto original do Dnit fosse seguido o número de acidentes seriam menores. Uma outra medida para promover a segurança, seria tornar as ruas do Comércio e São Paulo em mão única. “Os acessos deveriam ser feitos de acordo com um projeto que o Dnit tem de travessia urbana. Me parece que este projeto está engavetado em razão de problemas do trânsito local e da prefeitura, que ainda não conseguiu implantar o projeto de mobilidade aqui da cidade. Os principais problemas é que hoje as laterais da BR são hoje de mão dupla e em todos municípios que a gente conhece, a via do lado esquerdo segue um sentido e a do lado direito segue outro. Isso facilitaria muito e com certeza diminuiria consideravelmente o número de acidentes no perímetro urbano”, exemplificou Thiago.

De acordo com levantamento feito pela PRF, os horários em que cruzar a BR 070 se torna mais perigoso, compreende das 7h às 8h e no final da tarde, quando o tráfego fica mais intenso. “Os piores horários que conseguimos identificar  é no início da manhã e no final da tarde. O horário de almoço tem grande fluxo, mas com certeza de manhã e no final da tarde é o mais complicado”, frisou o chefe da delegacia.

A orientação aos motoristas é que todos tomem bastante cuidado e se possível evitem fazer o cruzamento.

“A orientação é que todos tomem bastante cuidado, porque é uma travessia urbana perigosa, têm grandes riscos e caso a pessoa sinta dificuldade em realizar esse cruzamento, nesses acessos que são irregulares, a sugestão é que passem por baixo do viaduto, atravessando a BR de forma mais segura. É um pouco mais longe, mas é forma mais segura”, orientou o PRF.

 

VIAS DE ACESSO PODEM SER FECHADAS

Nossa equipe de reportagem entrou em contato com a Prefeitura para saber, se existia a possibilidade de as ruas do Comércio e São Paulo se tornarem mão única e as vias citadas serem fechadas. Por meio de nota encaminhada pela Assessoria de Imprensa, fomos informados de que nenhuma possibilidade é descartada até a conclusão do plano de mobilidade. A CMTU classificou as alças de acesso como um erro do passado.  “A Prefeitura de Primavera do Leste informa, por meio da Coordenação Municipal de Trânsito e Transportes Urbanos, que o município identifica a alça mencionada como um erro cometido no passado e que deve ser corrigido.

A Prefeitura, por meio da empresa licitada Gasini, está fazendo um levantamento de dados e estudos técnicos para apontar a melhor solução para esse trecho.

A Prefeitura não descarta a possibilidade de fechar as alças irregulares e transformar as vias mencionadas em mão única, assim como na Rua Rio de Janeiro e a Olivério Porta.

Para sugerir melhorias no trânsito da cidade, o melhor canal é o e-mail: mobilidadeurbana@pva.mt.gov.br. O canal estará disponível até que a empresa finalize os estudos”.

 

SEM RESPOSTA

Tentamos contato com o Dnit, buscando informações sobre as adequações das alças de acesso, mas também não fomos respondidos.

Assim que os órgãos se manifestarem, publicaremos as respostas.

 

O PROJETO ORIGINAL DO DNIT

O projeto inclui quatro rotatórias: próximo à entrada do Distrito Industrial José de Alencar, próximo à entrada do Bairro Jardim Universitário, próximo à Avenida Florianópolis e no cruzamento da MT-130 com a BR-070. Além disso, passagens elevadas serão construídas no viaduto.

 

ACIDENTES GRAVES E MORTES NO TRECHO

Segundo dados da PRF, por dia passam pelo trecho da BR 070, que corta a cidade de Primavera do Leste, uma média de 5 mil veículos. A quantidade de veículos que cruzam a cidade está ligada ao fato que essa é uma das vias de acesso à Brasília e Goiás.

Com tantos veículos, acidentes se tornaram cada vez mais comuns no perímetro urbano da BR 070. No domingo (30), dois acidentes graves foram registrados, os dois ocorreram próximos a alças de acesso da rodovia. Em um deles uma pessoa não resistiu aos ferimentos e morreu.

A vítima trata-se do vendedor de frutas José Leandro Barbosa de Morais, de 46 anos, ele estava de bicicleta quando foi atingido por uma motocicleta. O homem chegou a ser socorrido pelo Samu e levado à UPA, porém, não resistiu aos ferimentos e morreu momentos depois.

Nossa equipe de reportagem buscou mais informações sobre o acidente, porém, até o fechamento desta edição não obtivemos respostas.

Já o outro acidente foi entre uma moto e uma caminhonete, que entraram juntas na alça de acesso ocasionando a colisão. Neste acidente ninguém teve ferimentos graves.

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

MAIS Primavera Do Leste

Com decisão do STF, cinco mil presos podem ser beneficiados

No Banco Nacional de Monitoramento de Prisões (BNMP), do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), consta que há 190 mil presos já sentenciados, porém, sem trânsito em julgado. Segundo o CNJ, é incorreto afirmar que estes serão beneficiados de liberdade.

Feminicídio pode se tornar crime imprescritível

Somente neste ano, em Primavera do Leste, quatro mulheres foram assassinadas de forma brutal

MAIS LIDAS NO CLIQUE F5

MAIS LIDAS MATO GROSSO


Abaixo reportagens especiais e exclusivas para os assinantes do Jornal O Diário

VANTAGEM

Conheça as vantagens oferecidas no CLUBE DO ASSINANTE DO O DIÁRIO

descontos em medicamentos, mensalidade de academias, compra de óculos, corrida de moto táxi, compra de gás de cozinha e até mesmo na conta do barzinho do final de semana. Esses são alguns dos benefícios oferecidos.

Nome ou atividade:

Bairro ou logradouro:

Produto:

Buscar em:

Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Você é a favor ou contra a privatização da MT 130 sentido Paranatinga?
A favor
Contra
Tanto faz