Esportes /

Quinta-feira, 17 de Maio de 2018, 23h:20

A | A | A

Corinthians goleia o Deportivo Lara e avança na Copa Libertadores

O Corinthians é mais um brasileiro classificado para as oitavas de final da Copa Libertadores. O Timão venceu o Deportivo Lara fora de casa na noite...


Imagem de Capa

O Corinthians é mais um brasileiro classificado para as oitavas de final da Copa Libertadores. O Timão venceu o Deportivo Lara fora de casa na noite desta quinta-feira (17) pelo placar de 7x2 e se garantiu na segunda fase da competição. Jadson foi o grande destaque da partida com três gols. Sidcley, Romero e Júnior Dutra, duas vezes também balançaram as redes.

Com três gols marcados, Jadson foi o grande destaque da vitória do Corinthians
Divulgação
Com três gols marcados, Jadson foi o grande destaque da vitória do Corinthians

Com o resultado, o Corinthians foi a 10 pontos e é o líder isolado do Grupo 7 da competição continental. Apesar disso, o Timão ainda não garantiu a liderança do grupo, pois o Independiente empatou com o Millonarios e foi a sete pontos.

O jogo

Precisando da vitória para se garantir nas oitavas de final, o Corinthians tomou as rédeas do jogo desde os primeiros minutos. Maycon, Rodriguinho e Jadson tabelavam com facilidade e lideravam a equipe pelo meio de campo.

Leia também: Quem deve ser o goleiro titular da seleção brasileira na Copa do Mundo?

Sem suar, o Timão abriu o placar aos dez minutos. Pedrinho puxou contra ataque sozinho e serviu Jadson na entrada da área. O meia dominou com tranquilidade, puxou para a perna canhota tirando o marcador e bateu colocado para vencer o goleiro Curiel.

Apesar do resultado favorável, o Timão seguiu pressionando e quase aumentou o placar dois minutos após o gol. Mantuan avançou pela direita e deixou Rodriguinho na cara do gol, mas o meia bateu por cima e desperdiçou chance clara.

Aos 27 minutos, Rodriguinho voltou a receber dentro da área, driblou o marcador e foi derrubado. A arbitragem marcou pênalti e Jadson bateu com categoria, no canto esquerdo de Curiel para aumentar a vatangem da equipe de Fábio Carille.

Após o segundo gol, o Timão recuou e deu espaço para o Deportivo Lara, que atacava de maneira desorganizada, mas intensa. O castigo veio no último minuto do primeiro, quando Reyes recebeu na esquerda da grande área e fuzilou Cássio para estufar as redes.

Leia também: Vai dar zebra? Entenda por que nenhuma das favoritas ganhará a Copa do Mundo

No início da segunda etapa, o Corinthians voltou a tomar conta da partida e fez seu terceiro gol logo aos seis minutos. Sidcley recebeu na ponta esquerda, avançou e encontrou Jadson dentro da área. O camisa 10 pegou de primeiro e marcou um belo gol, seu terceiro na partida, coroando sua melhor atuação desde a volta ao Timão no ano passado.

Logo após o terceiro gol corintiano, a partida foi paralizada pois a torcida venezuelana estava jogando objetos no gramado. Após o fim da confusão, o jogo foi retomado e o Timão fez o quarto. Jadson fez boa jogada pela direita e serviu Pedrinho, que cruzou para Rodriguinho. O camisa 26 dividiu com o marcador e ela sobrou limpa para Sidcley, que só empurrou para as redes.

Valente, o Lara voltou a diminuir a vantagem aos 32 minutos. Reyes pegou sobra na entrada da área e bateu cruzado. A bola iria longe do gol, mas Jesús Hernández foi esperto e desviou para vencer Cássio.

Aos 40, no entanto, o Timão finalmente matou o jogo: Mantuan recebeu de Jadson na direita e cruzou na medida para Romero. O paraguaio virou um lindo voleio e marcou um golaço.

Nos longos acrescímos dados por conta da confusão, ainda houve tempo para Júnior Dutra roubar a bola na campo de defesa, arrancar até a grande área e bater cruzado para anotar o sexto gol corintiano. O atacante, que havia entrado da vaga de Jadson, ainda fez o sétimo após pegar rebote em chute de Romero.

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas

21/05 - Na noite do último sábado, 19, os holofotes estavam voltados para o casal Rosi e Moacir Quaini que celebrou 30 anos de união com pomposa festa, no centro de eventos Primacredi. A romântica história de amor que teve inicio em 1988, na Catedral do Divino Espirito Santo, em Cruz Alta- RS, foi reafirmada, dessa fez com a presença dos frutos da união, os filhos Leonardo e Letícia Quaini. Há cerca de aproximadamente um ano juntamente com a cerimonialista Sibeli Salvatori os noivos começaram a organizar a noite que será eternizada para sempre. Profissionais de mão cheia foram convocados para a suntuosa comemoração. A décor Silvânia Costa traduziu toda a magnitude da celebração nos detalhes da imponente decoração em tons de branco, verde e champanhe. O buffet foi assinado pela requisitada Mirian Avila, e o repertório musical ficou por conta da banda Comunicasom que animou os convidados até altas horas da matina. Os filhos Letícia e Leonardo não conteram as lágrimas ao proferirem homenagem aos pais expressando todo amor, carinho e gratidão ao voltarem ao tempo e relembrar, como a união pautada no amor e cumplicidade vence os desafios do tempo. A bênção de renovação dos votos de amor e fidelidade foi ministrada pelo frei Constantino e testemunhada por em torno de 250 convidados que celebraram o momento ímpar com a família que esbanjou felicidade do começo ao fim da noite. As fotos oficiais foram registradas pelas criteriosas lentes do cuidadoso e atento fotógrafo Marcello Holanda. Nossa coluna hoje é exclusiva em homenagem a badalada Bodas de pérola e destaca momentos de emoção dos queridos Rosi e Moacir Quaini que distribuíram abraços e sorrisos durante toda a comemoração. Confiram!

Você é a favor ou contra a revitalização das Avenidas de Primavera?
A favor.
Contra.
Não tenho opinião formada sobre o assunto.